Ar ambiente: Poluição em São Paulo mata mais de 11 mil pessoas por ano

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

Por mais que todos saibam sobre os problemas mundiais com a poluição e o ar ambiente que respiramos, o tema consegue ficar ainda mais assustador quando viram números

Estudos revelam que 11 mil pessoas morrem em decorrência da poluição por ano em São Paulo, 50 mil no Brasil inteiro e cerca de 7 milhões no mundo. Mas como melhorar o ar ambiente?

Hoje em dia, a discussão sobre o assunto está ainda mais transparente, de modo que a noção de que a poluição é um problema apenas externo já não existe mais. Sabemos que, dentro das nossas próprias casas, podemos enfrentar problemas em relação a isso.

No último levantamento do Instituto Saúde e Sustentabilidade, além da informação de que 11 mil pessoas morrem todos os anos por conta da poluição, o estudo ainda aponta uma grave situação de saúde pública: até 2030, o Estado terá gasto mais de R$ 1 bilhão em saúde por causa disso.

De acordo com outro estudo divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), 9 em cada 10 pessoas no mundo respiram ar contaminado, e cerca de 50 mil pessoas no Brasil morrem todos os anos em decorrência de ataque cardíaco, câncer de pulmão e derrame cerebral.

Ainda segundo esse relatório da OMS, as 7 milhões de pessoas no mundo que morrem anualmente em consequência da poluição acabam sendo expostas a partículas finas que penetram profundamente nos pulmões e no sistema cardiovascular.

Para entender melhor como isso acontece, o artigo “Níveis de partículas ultrafinas reduzidas na atmosfera de São Paulo” explica:

As partículas ultrafinas emitidas por veículos atravessam a barreira do sistema respiratório e chegam aos alvéolos pulmonares, levando direto para a corrente sanguínea qualquer metal pesado ou composto tóxico que seja inalado.

Vendo por esse lado não fica muito difícil de imaginar que, mesmo que você esteja dentro de casa, em cidades onde o nível de poluição é elevado, o seu ar ambiente fica comprometido. E, em muitos dos casos, a poluição de dentro de casa supera a de fora.

Exemplo: produtos químicos usados no cotidiano poluem a atmosfera tanto como veículos, segundo a Agência Americana de Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA). Produtos de limpeza, perfumes, tintas e pesticidas também contribuem para a poluição.

Como se prevenir em relação a tudo isso? Você pode tomar alguns cuidados, tanto na exposição à poluição quanto na prevenção do uso de materiais que podem contribuir para a poluição do nosso ar ambiente

ar ambiente

Leia mais: Qualidade Do Ar Interior: Que Poluição Encontramos Em Lugares Fechados?

Exercícios ar ao livre – Sim ou Não?

A poluição do ar é um dos grandes fatores de risco para doenças cardiovasculares, comprovadamente tão perigosa quanto fatores como tabagismo, obesidade e diabetes. A superexposição à poluição pode provocar cenários desfavoráveis para a saúde.

A poluição causa inflamações nas artérias que levam ao seu endurecimento e entupimento, além do aumento da viscosidade do sangue. Tudo isso faz com que o coração passe a trabalhar mais em condições não recomendadas.

Por isso, se você tem predisposição a doenças cardiovasculares ou até se sofre desse mal, este é um fato que você deve prestar atenção. A prática de exercícios físicos ao ar livre em ambientes muito poluídos pode ser muito perigoso.

Se você vive em cidades muito poluídas, prefira praticar exercícios em locais onde a qualidade do ar possa ser controlada. A poluição atmosférica pode ser mais um fator agravante ou até desencadeador de um infarto ou um acidente vascular cerebral (AVC).

Preste atenção nos produtos de limpeza que você usa

Pouco se fala sobre isso, mas muitos dos produtos de limpeza que usamos poluem o ambiente tanto quanto os veículos nas ruas, e além de tudo são capazes de desencadear alergias respiratórias mais comuns, como rinite, por exemplo.

O grande vilão desses materiais de limpeza são os Compostos Orgânicos Voláteis (COVs). Eles se caracterizam por possuírem alta pressão de vapor, o que faz com que eles se transformem em gás ao entrar em contato com a atmosfera.

Em casa, os principais responsáveis por acobertar os COVs são os produtos perfumados, como os detergentes para roupas, pisos e afins. Uma pesquisa publicada na revista médica Thorax mostra que crianças expostas a altos níveis de COV estão 4x mais propensas a ter doenças respiratórias.

Ainda assim, eles são utilizados nesses itens de limpeza porque são baratos e eficazes, mas você pode fazer uma escolha consciente do que usar na sua casa. Nesses casos, prefira detergentes sem cheiro ou aromas à base de plantas e sempre leia o rótulo desses itens para evitar materiais com COV .

Não deixe de ver – Outono e Inverno são as Épocas em que os Alérgicos Mais Sofrem! Entenda por que e Como se Cuidar

Como você cozinha em casa?

De acordo com a última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua do IBGE divulgada este ano, em apenas três meses, subiu de 16,1% para 17,1% o número de lares que usam lenha ou carvão no preparo de alimentos.

Isso quer dizer que 1,2 milhão de brasileiros estão expostos a esse tipo de poluição, já considerada a principal fonte de poluente no ar doméstico. Com isso, é possível esperar um aumento significativo de problemas respiratórios, doenças e mortes com este aumento no uso desses combustíveis.

Prefira evitar usar lenha ou carvão na cocção de alimentos em casa, adote táticas de racionamento do gás para que ele possa durar mais ou outras medidas que sejam mais favoráveis para o seu meio de vida e da sua família.

ar ambiente

Purificador de ar

Outra dica para melhorar a qualidade do ar ambiente da sua casa é utilizar um purificador de ar. Pesquise um modelo que atenda a todas as necessidades da sua família e que caiba no seu bolso.

Se você não sabe como funciona um purificador de ar, este é o momento de ficar por dentro dos benefícios de um modelo completo, como o Sterilair.

Ele esteriliza o ar ambiente da sua casa, deixando o ar que sua família respira livre de fungos, bactérias, ácaros e outros microrganismos.

Uma das grandes vantagens de um modelo como o Sterilair é que ele pode ficar ligado 24h por dia, já que apresenta um consumo baixo de energia. E você também não precisa se preocupar com a limpeza dele, não existem filtros que precisam ser limpos ou trocados.

De certa forma, é um aliado na purificação do ar ambiente da sua casa. Seus filhos podem respirar um ambiente mais limpo enquanto dormem, e a faxina doméstica da sua casa pode ficar ainda mais completa com o auxílio dessa dica!

Veja mais detalhes – 01 solução para 09 problemas: o purificador de ar vai mudar a sua saúde.

Gostou? O que você faz para se prevenir da poluição e cuidar melhor do ar ambiente? Aproveite e deixe sua casa mais segura e limpa agora com o purificador de ar Sterilair!

Já pensou respirar melhor e ter uma sensação de bem estar dentro de ambientes fechados?

Livre-se dos vírus, bactérias e mofos presentes no ar. Tenha o ar puro que sua família merece!
Oferta

Deixe uma resposta

Fechar Menu