Veja Como Evitar Mofo no Guarda-Roupas!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

O mofo não é higiênico e ainda pode causar problemas de saúde. Não permita que ele apareça em suas peças de roupa

Além de causar doenças e agravar alergias, a presença de mofo pode deteriorar as peças do seu guarda-roupa. Para não perder os seus itens favoritos, é preciso evitar o problema e, caso ele já tenha se iniciado, fique tranquilo, pois é possível reparar.

O mofo é um acumulado de fungos filamentosos que realiza a decomposição de materiais orgânicos quando há condições adequadas, como baixa luminosidade, umidade e pouca ventilação.

Ele aparece no seu guarda-roupa tanto em seu interior quanto em roupas, sapatos e bolsas devido à presença de micro-organismos, principalmente quando você guarda as peças logo após o uso ou enquanto elas ainda estão úmidas.

Além de tornar as roupas escurecidas e deixar o móvel com cara de malcuidado, o mofo não é higiênico.

Ele pode causar problemas de saúde, como sintomas da rinite, sinusite e asma, e ainda, ele está associado a ácaros, que também causa alergias respiratórias e infestam colchões e travesseiros. Fungos em roupas e acessórios também podem ser os responsáveis por dermatites de contato e micoses, doenças de pele que prejudicam a sua saúde e a sua aparência.

Saiba como evitar mofo no closet e diversas outras dicas!

Se você tem alergia a mofo, livre-se já!

Portanto, você deve evitar ao máximo que o mofo surja no local onde você guarda as suas roupas. Descubra agora mesmo como fazer isso e, em seguida, mãos à obra:

– Sempre que possível, abra as portas do guarda-roupa e permita que a iluminação e a ventilação natural atinjam o móvel.

– Invista em um produto antimofo para deixar dentro do guarda-roupas. Além das opções industrializadas, as soluções caseiras que funcionam melhor são giz de lousa, bicarbonato de sódio e cal.

– Durante o verão, faça a lavagem das roupas de inverno para que elas sequem melhor.

– Coloque as peças mais pesadas, como casacos, cobertores, botas e malas em um local arejado e ensolarado uma vez a cada dois meses por pelo menos uma hora.

– Se você sentir cheiro de mofo, deixe o purificador de ar funcionando dentro do móvel por alguns momentos. Ele irá remover o odor e purificar o ar, removendo qualquer resquício de fungos.

– Uma vez por mês, limpe o interior de todo o guarda-roupa com uma mistura de água sanitária e vinagre branco na proporção de um para um. Não esqueça das gavetas e dos cantos.

– Evite guardar no armário a peça de roupa que você acabou de usar. Se ela ainda não precisar de uma lavagem, deixe-a pendurada em ganchos ou até mesmo no varal para arejar por algumas horas. Só então guarde. Faça o mesmo com os sapatos.

– De preferência, após usar uma peça de roupa, lave-a. O corpo transpira e elimina pele morta o dia todo, mesmo que isso não esteja aparente na peça a olho nu.

– Antes de guardar uma roupa recém-lavada, confira se ela está bem seca. Procure passar a peça, pois o calor do ferro ajuda a eliminar micro-organismos nocivos.

– Evite posicionar o guarda-roupa em paredes que podem ter umidade, como a que faz divisa com o banheiro. Se for necessário, jamais encoste o móvel na parede e use um isopor entre os dois para que a umidade não atinja o seu armário.

Descubra como retirar o mofo das suas roupas!

Para remover mofo de roupas

Se o mofo já tomou conta de suas peças, existem formas de removê-lo completamente e recuperar o item. Fique atento, pois cada tipo de material precisa de um tratamento adequado para evitar novos danos.

Algodão

Deixar as peças básicas de algodão livre do mofo é fácil. O principal cuidado é em relação a cor do item. Salve sua casa com o eliminador de mofo!

Para as roupas brancas, deixe-as de molho em água quente com sal até a aparência voltar ao normal. As peças pretas e coloridas devem ficar de molho em uma bacia com leite fervente. Depois, faça a lavagem, a secagem e passe normalmente.

Couro

Use um pano macio embebido em álcool. Antes de começar a limpeza, teste uma pequena área da peça e verifique se ocorre algum imprevisto. Depois de esfregar o pano na mancha de bolor, deixe a peça ao sol por algumas horas para acabar de vez com umidade.

O ideal é hidratar o couro após esse processo para garantir que a peça continue brilhante. Use um hidratante de couro profissional ou um pouco de vaselina para isso.

Sapatos

Em sapatos como tênis e sapatilhas que não são de couro, primeiro passe uma escova de dentes velha para retirar o mofo solto. Depois, use um pano embebido em vinagre branco para remover o que sobrou. Deixe ao sol para arejar por algumas horas e então use normalmente.

Tecidos delicados

Para os tecidos que são mais delicados, como a seda, o veludo e a camurça, o ideal é usar apenas uma escova macia e um pouco de água com sabão de pH neutro. Passe a mistura levemente no sentido das fibras.

Se a mancha de mofo for muito resistente, prefira levar a roupa a uma lavanderia profissional, que possui produtos específicos que fazem a remoção sem estragar a peça.

Gostou? Confira também:

Já pensou respirar melhor e ter uma sensação de bem estar dentro de ambientes fechados?

Livre-se dos vírus, bactérias e mofos presentes no ar. Tenha o ar puro que sua família merece!
Oferta

Deixe uma resposta

Fechar Menu